• Lucas Dias

O FUTURO DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO

Uma das perguntas que mais respondo é “Lucas, qual é o futuro do rádio?”


Me perguntam com ar de certa preocupação e respondo com empolgação, que é um futuro promissor. Compreendo a apreensão e o “medo” do fantasma da internet e do “futuro”.


Mas o futuro do rádio é o mesmo da tv, do jornal, da agência de publicidade. Ou do barbeiro. O problema não está no nicho de mercado mas sim como as empresas se posicionam e se adaptam ao presente.


Talvez o maior problema hoje dos meios de comunicação é ficar atrelado justamente ao meio de comunicação. Por que a Clube tem que ser só rádio se pode ser TV, jornal, Youtube, Instagram, Facebook, TikTok e sei lá mais o que ainda está por vir?


Empresas de comunicação (não mais meios de comunicação) tem que saber que o que mais vale hoje é o conteúdo, se ele é de qualidade (nem sempre um parâmetro relevante para todos) e, principalmente, se ele conecta com o público alvo.


Resumindo, não adianta ser expert e ter super produção se o seu conteúdo não é relevante.


E tá aí o pote de ouro…


Como ser relevante no meio de tanta informação, fotos, vídeos e links? Aqui na Clube 885 acreditamos no poder da comunidade, das histórias e na credibilidade. Parece simples. E é!


E o futuro dos meios de comunicação?


Enquanto houver música boa, informação relevante de qualidade e falarmos a verdade (parte importante do processo) teremos sempre um ouvinte, um telespectador e até mesmo um leitor atento.


A Clube 885 é pra ouvir, ver, ler e - por que não? - sentir!




91 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo